McDonald’s vira tema de coleção de roupas e vai parar na passarela

Você alguma vez imaginou que as tradicionais cores vermelha e amarela, assim como o familiar “M” que identificam o McDonald’s, poderiam servir de inspiração para a criação de roupas? Pois, a rede de fast food foi um dos temas usados para a coleção outono-inverno da luxuosa grife italiana Moschino e, segundo o portalBloomberg Business Week, isso está dando o que falar.

Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail

A coleção foi assinada por Jeremy Scott, o novo diretor criativo da grife, e foi apresentada durante a semana de moda de Milão. A intenção do estilista era a de homenagear a iconografia dos anos 90 de algumas marcas norte-americanas, e incluiu, além de roupas inspiradas no McDonald’s, modelitos com referências ao Bob Esponja, Cheetos e Hershey’s. Mas não pense que o motivo da polêmica sejam as peças, os modelos ou as cores.

Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail

Já faz algum tempo que os baixos salários dos funcionários do McDonald’s estão em discussão pelo mundo, e os precinhos das peças que fazem parte da coleção estão — como você bem pode imaginar — bem além do que o bolso de muita gente pode permitir. E isso sem falar nos orçamentos dos trabalhadores da rede de fast food, que nos EUA recebem entre US$ 400 e US$ 600 ao mês (cerca de R$ 885 e R$ 1,3 mil, respectivamente).

Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail

Só a bolsa de couro vermelha — apresentada em uma bandeja — que faz parte da coleção, vem com uma etiquetinha marcando US$ 1.265 (cerca de R$ 2,8 mil), e uma das blusas que apareceram no desfile custa US$ 780 (pouco mais de R$ 1,7 mil). Além do preço dessas peças, outros que foram divulgados foram o de uma camiseta-vestido no valor de US$ 350 (ou aproximadamente R$ 775) e a capa para celular, ao custo de US$ 85 (ou quase R$ 190).

Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail

Vários funcionários do McDonald’s se manifestaram dizendo que se sentiram ofendidos com a coleção, alegando que a escolha do tema foi extremamente inapropriada. Por outro lado, o falatório parece estar ajudando nas vendas das peças, pois a infame bolsa vermelha já está esgotada. E você, leitor, o que achou das roupas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Close
CONCORRA A BRINDES ,CURTA E PARTICIPE
Tá gostando de nosso conteudo?então curti ai!